Tamanho do texto

Toda garota fashionista deseja ou já desejou uma bolsa Chanel, um scarpin Louboutin, um trench coat Burberry... A adoração por esses itens e a devoção à essas marcas de luxo é algo quase inexplicável.

O Luxo Eterno: Da Idade do Sagrado ao Tempo das Marcas Gilles de Lipovetsky & Elyette Roux
Divulgação
O Luxo Eterno: Da Idade do Sagrado ao Tempo das Marcas Gilles de Lipovetsky & Elyette Roux

Hoje em dia não há quem não conheça tais marcas e peças, e pode–se dizer que a maioria já sonhou em possuir alguma delas.

Mas o que faz desses itens algo tão especial? Da onde vem esse desejo quase incontrolável e inevitável por essas marcas? O que estimula as pessoas a pagarem fortunas em bolsas, perfumes ou sapatos de luxo? E afinal, o que é luxo? Existe mais de um tipo ou categoria? São só as mulheres que o consomem? O que de fato ele representa nos dias de hoje?

 Para tais perguntas o #LeiturasObrigatórias de hoje dá a dica do livro “ O Luxo Eterno: Da Idade do Sagrado ao Tempo das Marcas ” do filósofo Gilles Lipovetsky e da especialista em marketing e gestão de marcas de luxo Elyette Roux .

 Diferentemente do que já foi feito diversas vezes, o propósito do livro não é defender ou criticar o luxo, mas sim fazer um estudo de forma aprofundada, levando em conta segmentos de toda a história da humanidade, visando assim melhor compreende-lo. O estudo leva em consideração tanto épocas em que o luxo era sinônimo de vaidades, exageros, ligado a valores éticos e morais, até mais recentemente quando o mesmo distingue classes sociais e é atrelado a prazer, ligando-se a um lado mais intenso e emocional.

 Outro diferencial do livro é o fato dele ser dividido em duas partes. A primeira é escrita por Gilles Lipovetsky e faz uma interpretação histórico-social tanto do papel quanto da função do luxo, de forma a inseri-lo no contexto da modernidade. A segunda é feita por Elyette Roux que aborda o marketing e a semiótica do luxo, na qual ela se concentra na identidade das marcas e na sua gestão no tempo, de forma que podemos entender melhor como elas se estabeleceram e se solidificaram no mercado atual. 

 O livro faz uma análise muito completa do assunto, abordando diversos aspectos do luxo, muitos dos quais jamais poderíamos imaginar. Com uma retórica e uma abordagem diferentes de qualquer outro livro de moda, é uma leitura altamente informativa, mas também muito leve e prazerosa. Falamos tanto de luxo nos dias de hoje que nada mais justo que tenhamos compreensão e conhecimento do mesmo.

 O resultado da leitura, é um consumidor mais informado, mais crítico e com certeza mais consciente. E como se não bastasse, ainda podemos de uma vez por todas, entender o porquê de sonharmos tanto com a sola vermelha e com a bolsa de matelassê !

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.