Mel @melalvesofc tinha 5 aninhos quando foi descoberto seu primeiro câncer nos ossos, um tumor na coluna. Viveu todas as etapas inimagináveis, foi cadeirante, sofreu o que nenhum filme jamais mostrou, voltou a andar. Anos vividos em hospitais.

 Ao completar 8 anos, descobriu um novo câncer, sem correlação ao primeiro. Dessa vez uma leucemia. Depois de mais sofrimentos múltiplos e moradas em hospitais, sem encontrar uma medula compatível, fez o transplante com a medula do pai (compatibilidade 50%). Lutou bravamente contra doenças de enxertos, zostes, dores, ardores, coceiras, coisas ligadas a pouca compatibilidade medular. Sete meses depois, e já começando a dar sinais de que o pior passou, a doença volta com nova cara e força total.  

Ontem ela fez o transplante de medula 100% compatível, de um americano que vive no Caribe. A noite foi das mais difíceis, está na UTI do Hospital 9 de Julho. Febre alta, sinais vitais comprometidos. Momento crítico. Dos seus 10 aninhos, 5 deles viveu em corredores de hospitais, postergando sonhos, vendo a infância passar pela janela de leitos. O que não está dito aqui? Mel não é só mais uma criança com sucessivos cânceres (ressalva ao só). Mel é um espírito elevado, é um holofote, é algo diferente. Tê-la é a certeza de que amor existe, de que somos mais do que matéria. Ela ressignifica tudo. Escreve com a sabedoria dos poetas mortos, ri com a vivacidade das crianças que correram nos parques, ama com a intensidade dos olhares apaixonados. Escolheu-me para ser madrinha porque descobriu que queria pedir oficialmente minha benção. Frei Marcelo, em sua infinita bondade, foi ao hospital e realizou seu sonho.

Neste momento ela luta pela sobrevivência uma vez mais, e talvez a mais dura das batalhas e só consigo imaginar uma pessoa por quem aquele coração tão cansado daria um trégua e reveria seus conceitos. Ele se chama Luan Santana @luansantana. Na raridade da vida, quem somos nós para entendermos os porquês! No dia que ia realizar seu maior sonho de conhecer o @luansantana com ajuda do @makeawish teve uma recaída e voltou ao hospital, seu quarto é todo decorado com fotos dele. Apareça Luan! Você é “proCURA”! #luansantanavisiteamel #doesangue #doemedula #doevida (texto da dinda Sandra Teschner @sandrateschner)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.