Tamanho do texto

O atletismo paralímpico é praticado por atletas com deficiência física, visual ou intelectual.

CPB: Atletismo
Divulgação
CPB: Atletismo

 Há provas de corrida, saltos, lançamentos e arremessos, tanto no feminino quanto no masculino. Cada uma, conta com suas disputas específicas.

CPB: Atletismo
Divulgação
CPB: Atletismo

CLASSIFICAÇÃO
Os competidores são divididos em grupos de acordo com o grau de deficiência constatado pela classificação funcional. Os que disputam provas de pista e de rua (velocidade, meio-fundo, fundo e maratona ) e salto em distância, levam a letra T ( de track ) em sua classe.

CPB: Atletismo
Divulgação
CPB: Atletismo

Já os atletas que fazem provas de campo ( arremessos, lançamentos e salto em altura ) são identificados com a letra letra F ( field ) na classificação.

CPB: Atletismo
Divulgação
CPB: Atletismo

Para os atletas deficientes visuais, as regras de utilização de atletas-guia e de apoio variam de acordo com a classe funcional. Nas provas de 5000m, de 10.000m e na maratona, os atletas das classes T11 e T12 podem ser auxiliados por até dois atletas-guia durante o percurso ( a troca é feita durante a disputa ). No caso de pódio, o atleta-guia que terminar a prova recebe medalha. O outro, não. Há, também, situações específicas em que um guia que não estava inscrito inicialmente em determinada prova tenha de correr. Neste cenário, ele não recebe medalha, caso suba ao pódio.

CPB: Atletismo
Divulgação
CPB: Atletismo




    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.