Tamanho do texto

Provavelmente você já escutou falar de Camila Coutinho. Criadora do Garotas Estúpidas, o primeiro blog de moda do Brasil

ESTÚPIDA, EU? #LeiturasObrigatórias
Divulgação
ESTÚPIDA, EU? #LeiturasObrigatórias

eleita pela Forbes um dos trinta jovens brasileiros mais influentes com menos de trinta anos e considerada um dos 500 nomes mais importantes do mercado pelo Business of Fashion em 2017, que anualmente seleciona talentos ao redor de todo o mundo, Camila se tornou referência e inspiração quando o assunto é moda.

 Com a emergência constante e acelerada da internet, vemos um novo tipo de comunicação e conteúdo sendo veiculado nos dias de hoje. As blogueiras conquistaram seu lugar, consolidaram suas carreiras e fizeram de seus blogs verdadeiros negócios, alcançando um sucesso gigantesco e impossível de não se reconhecer.

 Camila é pioneira nesse ramo, hoje é sucesso absoluto e uma das figuras mais conhecidos desse mercado, por isso seu novo livro “ Estúpida, Eu? ” é a #LeiturasObrigatórias de hoje. Nele, ela conta suas experiências pessoais, fornece dicas sobre carreira e vida, analisa tendências de mercado e ainda conta como fez e faz para manter-se relevante ao longo dos anos.

  Seu sucesso começou com um “ surto criativo em uma madrugada de insônia ”, como ela mesma gosta de dizer. Foi assim que teve a ideia de criar um blog para poder dividir com as amigas novidades do mundo da beleza, da moda e das celebridades. E isso tudo em um ambiente onde não valia nem julgar nem falar que aquilo era futilidade, bobagem ou estupidez. E assim se deu o nome Garotas Estúpidas: uma ótima sacada para poder se blindar de possíveis julgamentos. Afinal, com um nome desses não há margem para críticas ou deboches.  Mal sabia ela, que um blog criado para fofocar com as amigas, teria a repercussão que teve e viraria um dos maiores blogs de moda da atualidade.

 Ao longo do livro ela conta diversas histórias de sua vida e carreira ao longo dos anos. Tanto os melhores momentos como também as dificuldades que já enfrentou. E garante: fazer aquilo que ama, acreditar em si mesmo, ser autêntico e manter sua essência, são essenciais para qualquer pessoa ser bem-sucedida.

 Foi com muito senso de humor, jogo de cintura e seu jeito de levar as coisas de maneira mais leve, e de não se levar tão a sério que a levaram a virar o fenômeno que é Camila Coutinho. São mais de dois milhões de seguidores em suas redes sociais, parcerias com grandes marcas, licenciamento de produtos, presença garantida na primeira fila dos principais desfiles e capas de revistas em seu currículo.

 A mensagem mais importante que ela passa ao contar toda sua história, é que o que vale, é ser você mesmo, acreditar nos seus sonhos e não desistir deles. Pode até soar clichê, mas foi assim, fazendo algo que ela ama, seguindo aquilo que ela acreditava e sabendo lidar com suas conquistas e também com suas decepções, que ela chegou onde está. Posso me dizer fã de Camila Coutinho depois de ler seu livro, e dizer que Camila, de estúpida, não tem absolutamente nada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.