Tamanho do texto

Acho que sem dúvidas qualquer um que goste de moda, ou de ler livros sobre, já se deparou com esse livro nas prateleiras de livrarias, em listas dos melhores livros de moda para se ler ou em fotos do Pinterest por aí.

De Cally Blackman
Divulgação
De Cally Blackman

. Se você se encantou pela capa cor-de-rosa ilustrando Audrey Hepburn, posso dizer que o conteúdo dele consegue ser ainda mais especial! E se você nunca o viu, ou ouviu falar dele, te apresento um dos meus livros favoritos do fashion world.

 “100 Anos de Moda” foi escrito por Cally Blackman, que além de ser a autora de alguns outros importantes livros do segmento como, “100 Anos de Ilustração de Moda” (2007) e “100 Anos de Moda Masculina” (2009) é também professora de teoria e história da moda do Central Saint Martin’s College, em Londres. Além disso, já publicou artigos no Costume and Textile History, e contribuiu para catálogos de exposições do V&A Museum e do Palais Galliera.

 Em suas 399 páginas ele é adornado por mais de 400 icônicas imagens, que conversam com os textos ágeis e objetivos que contam literalmente, os últimos 100 anos da história da moda, de 1901 até os dias de hoje. Dividido em duas partes (1901-1959 e 1960-até hoje), a autora segmenta a história de maneira fácil e simples, para que o leitor possa entender tudo o que aconteceu nesse último século.

 Na primeira parte, grandes nomes do passado como Charles Frederick Worth, Paul Poiret, Coco Chanel e Elsa Schiaparelli, os percursores da moda, são apresentados. É possível entender como as maisons parisienses ditavam a moda, e como ela se comportou e se modificou antes, diante e depois da Primeira Guerra Mundial. O estilo das melindrosas da década de 20, de que forma as grandes estrelas como Josephine Baker, Marlene Dietrich e Jean Harlow, influenciaram a moda e a estética do New Look de Christian Dior nos anos 40 também são abordados nessa parte.

 Já na segunda parte do livro outros designers ganham destaque: Mary Quant, André Courreges, Yves Saint Laurent... O fenômeno Twiggy junto ao Youthquake, peças icônicas como o vestido de papel Souper e as peças inspiradas na corrida espacial de Pierre Cardin, e a eclosão do jeans e do sportswear também são analisados aqui. Nomes como Karl Lagerfeld, Calvin Klein, Rei Kawakuco e John Galliano também têm vez! E last but not least, o sucesso sem precedentes de Kate Moss, Jackie Kennedy, Lady Di e Madonna e como seus estilos contribuíram para moldar a moda de suas épocas.  

 É ainda possível aprender sobre mais muitos e muitos assuntos ao longo de suas páginas, e de se perder em cada uma das fotografias que ilustram perfeitamente cada pedacinho da gigantesca e complexa história da moda. “100 Anos de Moda”, é sem dúvidas uma #LeiturasObrigatórias!